quarta-feira, 2 de setembro de 2009

PALHAÇAS MACABRAS DO G12

Última postagem: Aprendendo um pouco mais sobre Israel...




 
PALHAÇAS MACABRAS DO G12...

Um ex-feiticeiro enviou estes testemunhos. Hoje, ao revisar links descobri que ele retornou às ligações com as crenças africanas e, diante dos relatos abaixo, só posso temer pela solidez dos "resgates" que muitas igrejas evangélicas fazem: muito show (curas e milagres) e pouco alimento sólido (Bíblia Zero!).

1.Enquanto o pastor pregava um dos membros literalmente urrava!
A estranheza que aquele ato causou a todos fez com que o pastor passasse a repreender igreja por não ter “maturidade” para compreender aquele ato!
Daí todo mundo começou a urrar e se curvar... pessoas jogando-se ao chão!
Decidi me levantar e perguntar aos recepcionistas o que era tudo aquilo:
— Os quatro seres que habitam diante do trono agindo!
— Ah... Bom... Só que lá no terreiro eles tinham outros nomes!
Eu os conheço!
— Quer que oremos pelo senhor?
Diante dessa oferta preferi fugir pela rampa...
2.Este outro ocorreu durante uma sessão de “louvor profético” em Honório Gurgel, no Rio de Janeiro.
Logo na entrada reconheço um casal de “guardas espirituais”, velhos conhecidos meus do terreiro, na recepção e me questiono o que fazem ali se aquilo era uma igreja...
Ao entrar me deparo com pessoas girando e rindo (literalmente) e pergunto o que é.
— O senhor é cristão e não sabe o que é “dançar no espírito"?
Pessoas giravam, riam e se sacudiam pelo salão enquanto um cantor os incitava para que fossem “ridículos para Deus”...
A “energia” era igual à do terreiro que eu freqüentava na época!
Saí e me deparei com uma jovem amparada por outros jovens na rampa externa.
Eles tentavam impedir que ela se projetasse lá do alto durante o transe.
Na época eu ainda via espíritos pela vidência psíquica e os observei tanto fora quanto incorporados, tal qual uma seção de feitiçaria.
Voltei desolado, pois até no terreiro havia mais decência e ordem...
Fonte: O Absurdário Gospel de Teóphilo Noturno de Este Mundo Jaz no Maligno

7 comentários:

  1. tem gente que pede pra ser endemoinhado,fora os tradicionais que so querem sentar a bunda na cadeira em vez de fazer o ide de Jeus,falar de Deus quer,mais ir atras pra ganhar,consolidar,discipulasr e enviar não quer,abaixo a tradição e não aos tradicionais,valew

    ResponderExcluir
  2. tem gente que pede pra ser endemoinhado olha,naum tem o que fazer e vai criticar a visão que Deus deu sobre a visão celular,gostam mesmo é de ser tradicionais que adoram falar mau dos outros em vez de fazer o ide de Jesus,vão se converter e parar de ler esses enviados do diabo que falam mau da visão celular.

    ResponderExcluir
  3. Amigo,

    Sou pentecostal!
    Se houvesse lido outros textos do Blog teria percebido isso!
    Creio em fogo de Deus!
    Apenas creio que qualquer dos dons do espírito que não seja acompanhado do dom de discernir os espíritos está sujeito as intempéries humanas, se as igrejas valorizassem mais esse dom haveria menos engano nas igrejas atuais.
    Não creio nesse circo todo que fazem hoje e que é totalmente desprovido de bases bíblicas e não edifica em nada!
    Oração! Leitura bíblica, meditação e vontade de aprender com Deus e praticar sua Palavra me bastam, rodopios, piruetas e outras macaquices nada tem a ver com espiritualidade, na melhor das hipóteses é meninice; na melhor!
    Quanto aos tradicionais conheço muita gente de igrejas tradicionais, tenho inclusive um amigo que está em uma tribo indígena no maranhão, morando numa oca com a esposa e quatro filhos procurando fazer com que os índios aceitem a Jesus como salvador, enquanto isso os pregadores pentecostais estão andando de avião "primeira classe", para se hospedarem em hotéis cinco estrelas para "ganhar almas" (e uns 5, 10, 15 mil reais) e isso com muito rodopio, piruetas, golpes de karatê e reteté de jisuis, porquê de Jesus estes não tem nada, bando de mercenários!

    ResponderExcluir
  4. Ah, você poderia explicar o que é essa visão que "Deus deu" sobre a visão celular?! Tem base bíblica ou é algo que mais um borra-botas que diz que foi no céu e no inferno e "trouxe uma revelação de Deus" para a igreja?

    Cristão, pentecostal até os ossos, tal qual Paulo que disse que todos falando em línguas ao mesmo tempo para quem ouvir parecerão loucos, mas se anunciarem a Palavra quem ouvir terá o coração revelado e então conhecerá que o Senhor está nesse negócio...

    ResponderExcluir
  5. O blog seria melhor aproveitado pra evangelismo e não pra fofoca gospel.

    ResponderExcluir
  6. O Anônimo das 11:15, não tem nome você?

    Evangelizar também é alertar sobre o caminho errado se não denunciar esses picaretas, vai evangelizar para que? Para levar a pessoa para dentro de uma igreja que tenha uns movimentos desses e assim procedendo torná-la duas vezes filha do inferno?

    Fofoca gospel o caramba...

    ResponderExcluir

Irmão (ã), mano (a), leitor (a)!!!

Traga uma palavra para nós, se fosse uma tribuna e um púlpito aposto que você traria!?

Se não tiver um blog, pode usar a sua conta do google, a mesma usada para acessar o orkut, até sua foto vai aparecer e ficaremos te conhecendo ok, no mais.
Nem sempre os posts aqui são de minha autoria e refletem a minha opinião, de qualquer forma pode e deve deixar a sua;

Comente a vontade, mas não a primeira coisa que vier à mente, seja corente faça primeiro uma análise imparcial do texto. Faça uma análise e não uma "asnálise*".

Dicionário Liberdade em Cristo:
O Asterisco*

Asnalisar = Provém de “Asnálise”, que acontece quando ao se deparar com um texto que é contrário a nossa opinião, se lê e asnaliza mal e porcamente, contextualizando a leitura sem exegese bíblica apurada e imediatamente apelando para versículos isolados e que somente afirmam o que pelo tal leitor já é conhecido como doutrina sendo um grande e exaustivo exemplo o:
Não se toca no “ungido de Deus” Então se faz uma “asnálise” uma análise com a mentalidade de um asno...

Boa análise! Ou asnálise? Você é quem sabe...

Ah mais uma coisa não mais publicarei comentários de anônimos, querendo que sua crítica (99% dos anônimos, criticam e sugerem)seja publicada, não se esconda atrás do anonimato,como já disse use sua conta do orkut (google), afinal quem não tem uma hoje em dia, mas caso não tenha, coloque seu nome e sobrenome, mas comente e faça este velho blogueiro feliz...